Futebol

Germano estreia-se pela selecção!

Foto oficial de Germano, aquando da sua chamada à Selecção Nacional.

Neste mesmo dia, mas em 1953, Germano estreia-se pela Selecção Nacional em partida contra a Áustria. Foi a primeira das suas 24 internacionalizações.

A partida, referente à fase de qualificação para o Campeonato do Mundo de 1954, disputou-se no Estádio do Jamor, e terminou com um nulo no marcador.

Germano, à altura com 20 anos, entrou aos 42 minutos do primeiro tempo para o lugar do lesionado Cabrita, com a missão específica de «guardar» Orcwirck, a estrela do conjunto austríaco. O alcantarense não se impressionou com a estreia, nem com a fama do magnífico médio austríaco. Entrou a ganhar lances a Orcwirck, «burlando-o» repetidas vezes, como que a «zombar» da sua indiscutível classe, e Portugal, por intermédio de Germano, desenhava os seus ataques e causava apreensões ao guarda-redes Zeman.

E o «maestro» da Selecção do país das valsas, inteligentemente, recuou para auxiliar a defesa.

Tomemos em atenção a categoria de Germano, que chega à Selecção principal com apenas dois anos na equipa de honra do Atlético, e meros 43 jogos no Campeonato Nacional da 1ª Divisão.

– – –

PORTUGAL – ÁUSTRIA, 0-0
Qualificação Campeonato do Mundo de 1954
Domingo, 29 de Novembro de 1953
Estádio do Jamor, em Oeiras

Portugal: Carlos Gomes, Virgílio, Manuel Passos (C), Serafim Neves, Ângelo Carvalho, Monteiro da Costa, Artur Vaz, Fernando Cabrita (Germano Figueiredo, 42), Matateu, Hernâni e Manuel Vasques.
Seleccionador: Salvador do Carmo.

Áustria: Walter Zeman, Ernst Happel, Gerhard Hanappi, Walter Kollmann, Franz Golobić, Karl Stotz, Robert Dienst, Walter Haumer, Erich Probst, Turl Wagner, Ernst Melchior.
Seleccionador: Walter Nausch.

Árbitro: Louis Fauquembergue, da França.

Comentários